quarta-feira, 29 de julho de 2009

eleiçao de tu

se ele soubesse o que ja sei, o que ja adivinhei..nao perdia tempo.mas, que posso eu fazer com um tempo que nao é ainda meu. um dia vai ser tambem.

tenho um templo dentro dum templo e la dentro contemplo


....tenho um templo dentro dum templo e la dentro contemplo.

quero demorar mais tempo, porque se souber esperar para ver, vejo mais claro de certeza. por causa do tempo dentro do templo.

ver de dentro o que esta fora...e nao fora e recolher dentro..de fora por vezes é ja tudo tao viciado, tao acostumado...tao conformado na forma de sempre a que nos deixamos sem perceber, habituar...

habito o templo que quero para com tempo contemplar...e so assim posso voar.de olhos fechados sem sair do lugar...

diz o pessoa, pra viajar basta existir. para comtemplar basta existir, e assim me levo na viagem dum voo mais alto e mais lento.

agora fui,

terça-feira, 28 de julho de 2009

nós as 3






nós as 3. nós as 3 somos amigas porque Deus quis, e nós também.

alinhámos aos poucos, lentamente e com cuidado o nosso passeio. fomo-nos observando. fomo-nos vendo, e apanhando aqui ali detalhes dos traços de nós. acontecia que cada vez que nos viamos faziamos festa. festa de contentamento gratuito, e em nada forçada. festa com pouco, pelo que é sempre de simples, mas com tanto para nós.

elegemos o tinto "cabriz" como o poderoso da mesa, e os almoços foram acontecendo cada vez com mais frequencia.

encontramo-nos nas essencias, sem filtros. porque os passados nossos ja tiveram ferrugem. e muitas pedras em caminhos que se fizeram, e que, sem escolha que nos foram dados viver.

Mas, é exactamente sobre a alegria da escolha que quero mais falar....nesta nossa idade ( a segunda parte do jogo, como costumo dizer) as escolhas fazem se em total liberdade. e sei que sou tanto eu, com elas. e sei que me sinto tao em casa com elas, e sei que tudo posso falar que nada muda no que ja achamos de nós. tão diferentes, mas por isso tão respeitadas. numa cerimónia bonita, que espero inquebrável. sim porque a intimidade obriga. obriga ao cuidado da rega. á noção da fragilidade por causa do raro que é ter amigas assim. crescemos nas crenças, nas duvidas, nas historias, nos segredos, nas mudanças, nos planos, nos livros e frases que trocamos, nas musicas que dançamos, nas toilletes e nervos, nas conversas que afinal tão banais mas em verdade tão especiais....vida é nossa na mão. e partilha-se e comunga-se com quem queremos que assim se faça. eu tenho a vida na mão, e por isso tambem nao abro mão delas...não se dispensam, são indespensaveis...

obrigada jane e bela por serem assim em mim.
luv u both xxxxx
...e quase sempre por anteciapação vibramos nas vesperas dos almoços que se fazem...e declaramos o amor que na amizade tambem existe. por vezes sozinha rio-me de nós. por causa delas em mim.



video

sábado, 25 de julho de 2009

ainda as saudades....

e a verdade é esta: só temos saudades de quem em nós existe. e isso ja é tanto. porque afinal nao estamos sozinhos, pois que as saudades habitam-nos..

saudades que cheiram bem

saudades tenho da ideia de ti. que guardo e contemplo ao longe mas que sinto tao de perto. estas são saudades boas...daquelas que nunca saiem de nós e nos consolam por si só.existe sim a versão boa da palavra saudade, esta na forma de como as contemplamos e as assumimos em nós. saudades querem dizer tambem coisas ja vividas e outras que ainda esperamos viver. saudades sim, boas da ideia que de ti guardo...
-um dia és tu que escolhes. e nao o contrario. quando acreditares no que és- disse ele.
-eu escolho? eu nao tenho esse poder ( pensou ela).
- até aqui tens tolerado ser escolhida, depressa depressa percebes o engano.e só tens uma saida, partir e deixar para tras o engano.
- pois tens tu toda a razao - disse ela.
- por isso um dia escolhes quem tu quizeres, na tua medida, quando a souberes assumir- disse ele.
- pois então ja escolhi..quero a minha praia em mim - disse ela e riu, contente por dentro e isso viu-se por fora.
-é ele? disse ele.
-é. e um dia vou tê-lo. ta decidido.
vinha dum sonho de há tanto tempo.vinha de um sonho que ate o sonho ja nem se lembrava. um dia o sonho foi soberano passou a deixar a realidade entrar.e afinal tudo era possivel como se veio a mostrar. tudo por causa da verdade.tudo porque não se deve ir contra o sonho,se ele se faz tanto em nós.vi-te e amei-te.vi-te e quis-te. vi-te e sim es tu. mesmo tu.vi-te e percebi que do sonho es maior em realidade focada. e daqui nao saio. elogio ao tempo da terra que ordena o caos em que as vezes me perco.elogio á terra pela paciencia da espera e do tempo no tempo que é certo. e assim te espero.

quinta-feira, 16 de julho de 2009

Where the Hell is Matt? (2008)




....o que fica de quem parte para um céu que quero mais azul? o que fica na memoria sao heranças dos sentidos.e nao só. as historias vividas.os cheiros. as maos a mexerem e todos os gestos, o riso e seu tom.a vida que se fez confessada e partilhada com todos os que se cruzaram por mil razoes do caminho.
mistério este tao grande. a certeza das memorias no coraçao habitadas..isso sim a certeza de que a memoria nao apaga. memoria compensa o misterio? é o que nos sobra.
céu tambem é azul por isso. penso eu. azul da cor que abrange e toca. em nada indiferente. azul que veio para ficar. a registar todos os dias em que vejo o céu e o mar. grandezas infinitas em plenitude total. fica mais azul o céu. pois fica. saudades que se assumem e assim se aliviam.
fica mais azul o céu. fica mais bonito o céu....
- mãe? temos quantas vidas?
- temos uma aqui que acaba no céu meu amor, ou seja continua no céu...afinal nao acaba porque o céu será sempre azul.
-mãe? o mundo nao pára pois não?
- não meu amor, o mundo anda sempre á roda...não pára, todos os dias nascem bébes, todos os dias vao pessoas para o céu...todos os dias vivemos mais um dia.
- mãe? a love you...
-duarte? a mae tambem adora voçe meu amor.

isto: a gente sabe. isto: é o que interessa. isto: é céu aberto em pleno azul...

quarta-feira, 15 de julho de 2009

Needle on the record

David Bowie Storytellers
Virgin (2009) By JEFF TAMARKIN July 7, 2009
David Bowie Storytellers" alt="photo of 'David Bowie Storytellers'"> 3.0 Stars
Bowie was particularly relaxed and reflective when he took his star turn on VH1's Storytellers program 10 years ago next month. As the program's format demanded, he preceded each number — a couple of classics, some not-so-classics, and a few selections from his then-new Hours — with a tale of its origin.Then, in front of a Manhattan audience, he launched into a straightforward take backed by a competent if not especially exciting band. Intro'd by Mike Garson's jazzy piano, "China Girl" is ushered in by a recollection of an incident from Bowie's Berlin days with Iggy Pop, when a punk-club audience erected and then tore down its own Berlin Wall. Station to Station's "Word on a Wing" is, its author reveals, "from the darkest days of my life," the mid '70s. And the new "Thursday's Child," Bowie explains, was inspired by his favorite bedtime reading as a teen, singer/actress Eartha Kitt's 1950s autobiography of the same name.The DVD includes all of the original broadcast and four bonus tracks (minus the gab); the accompanying audio CD omits the extra tunes. Silly, really, because it's difficult to imagine why any but the most obsessed Bowiephile would need to hear the stories more than once, whereas the music on its own is a worthy, though hardly essential, addition to the catalogue.

terça-feira, 14 de julho de 2009

lua ainda que..

A luz da lua sem a lua estar. Foi Deus em mim em nós a rir no pleno atlantico momento gigante, e imortal vivido, porque de tanto, e em tanto sentido.Lua em silencio apresenta- se sem aviso subtil porque se sabe e tem inteira em nós e para nós.
Que a quizemos ver e sentir. A Amarte assim encontradamente.Lua e estava quase cheia...

quarta-feira, 8 de julho de 2009

lua sempre

quis a lua. a lua deu-se. quis a lua numa qualquer fase. para uma qualquer frase que saisse de mim para ti. lua cheia apareceu. lua feminina disse eu. lua no mar á vista de nós. lua deixou-se ver inteira para ela olharmos como se toda fosse nossa. lua mexe e apazigua.

outros em nós


outros que ficam colados em nós. para sempre.

por causa de frases de coisas que disseram, por causa dos cheiros, das historias vividas. por causa do que tocaram e maiores nos tornaram. são magicos os encontros, os toques, o recapitular da memoria no hoje.

Uso e abuso das heranças deixadas.uso frases, uso musicas, uso com cuidado sabendo que so me pertencem porque eu estive lá. e trocaram-se coisas. coisas minhas tambem ficaram em alguem, porque sao mesmo para isso, nada se perde do que foi dado..mesmo que o tempo passe. os outros ficam de algum bocado colados em nós. colados para sempre. ninguem se importa com isso...porque eu tambem eu nao. ousar em usar...ousar sem medo, afinal para partilhar..escreve algo que me descreva. da me aquela musica de nós...e o desenho e a flor que ja secou mas ainda esta la. esta la e vai ficar colado em mim quase tudo de ti.
MIGUEL QUERIDO, DIGO E REPITO. ÉS MESMO AMIGO. SEMPRE ESTÁS.LOVE CAT.

“Para ser grande, sê inteiro:
nada teu exagera ou exclui
Sê todo em cada coisa.
Põe quanto és no minimo que fazes.
Assim em cada lago a Lua toda brilha,
Porque alta vive.”


Miguel.
Para mim, Miguelinho.
Estou certa de uma coisa: hoje na minha vida, não sei não te ter.
Tornaste-te in. Indispensavel, indescritivel, inimitavel, incansavel, insubstituivel, infinito. ENORME AMIGO.

És o conceito de amizade vivido e praticado da forma mais coerente e verdadeira, e eu tenho a sorte de te ter. A sorte de te saber como bussula, que me dá o norte e sul o este e oeste, porque tens a capacidade de ouvir, descodificar, desmontar, esclarecer, clarificar e apontar. ÉS GRANDE.


Falas verdade com uma sensibilidade gigante. Falas verdade porque sempre tens o coraçao na mão. E meu querido é essa capacidade que te torna tao humano, tao especial, tao unico, tao imprescindivel..porque de ti digo:
ÉS INTEIRO.

Focas a vida. Retratas a vida ao vivo, ás cores, a preto e em branco. Mas sempre com luz. A luz de ti reflectida nos outros, nas fotografias lindas e magicas que nos dás e mostras. Mostras a Lua Que Alta Vive, porque brilha em todos os lagos. ÉS TODO EM CADA COISA.

És o melhor amigo que se pode ter. Não imaginas o bom que é estar deste lado e saber-te. Porque mesmo no minimo que fazes, nada excluis, dás tudo pelos outros, gratuitamente.

Obrigada Meu Querido pela tua disponibilidade, sempre.
Obrigada Meu Querido por tudo e por tanto.
Obrigada Meu Querido por estares.
Obrigada Meu Querido por me tornares melhor e maior.
Obrigada meu Querido pelas conversas de horas e todo o alento.
Obrigada Meu Querido por existires assim em mim, em nós.
Muito mais do que te digo, sinto.

Enorme Beijo de Parabéns
Da tua sempre que te adora,
Cat.

p.s.- tive de plagiar o grande Fernando Pessoa..para te por no nivel que mereces! Estou certa de que ele nada se importa.

sábado, 4 de julho de 2009

DIA DE HOJE TORNOU-SE A AMERICA INDEPENDENTE. ELES SOUBERAM ESPERAR POR UM TEMPO MELHOR...E AINDA BEM. ADORO AQUELA BANDEIRA. DÁ BANDEIRA, POIS DÁ! MAS ÉLINDA CHEIA DE ESTRELAS ARRUMADAS E RISCAS ALINHADAS..O AZUL LÁ. É A MEU VER O MAIOR LOGOTIPO DO MUNDO...
A ESPERA.
ESPERAR ESPERANDO. ESPERAR ESPERANDO TEM ESPERANÇA DENTRO.SEMPRE, QUASE SEMPRE, PORQUE SE NAO HOUVESSE ESPERANÇA, VIVIAMOS PIOR, MENOS CONTENTES E SEM NADA ESPERAR.

MAS CONFESSO QUE O MELHOR SAO AS SURPRESAS, DA VIDA SURPREENDIDA.AÍ SIM NEM CABEMOS EM NÓS...GOZAMOS SIM O QUE NAO ESPERAMOS ESPERANDO E O MUNDO FICA NA NOSSA MÃO POR MOMENTOS EM QUE NOS TORNAMOS IMORTAIS DE TANTA FORÇA, DE TANTA CAPACIDADE...QUE A VIDA DÁ QUE A VIDA TEM E NÓS TAMBEM...BOA A VIDA...NINGUEM DISSE QUE ERA FACIL.POIS NAO. MAS QUE É BOA É..POR CAUSA DE TANTO,E DAS ESPERAS ESPERADAS TAMBEM..

sexta-feira, 3 de julho de 2009

IN+IN

INDIGO NO INFINITO. E MAIS NAO DIGO. DIGO SÓ, QUE É A COR QUE MAIS GOSTO, NO TEMPO QUE MAIS GOSTO. MAIOR LIBERDADE EM VOO LIVRE SEMPRE POR ACABAR. VOAR AZUL, SONHAR INDIGO, CONTIGO LA.

INDIGO NO INFINITO.
AS CERTEZAS DO CORAÇAO QUE ACHAMOS NAO TEM RAZAO, MAS TEM.TEM AS TAIS RAZOES QUE A RAZAO NAO ENTENDE. É ISTO, E ISTO É TUDO.

pensamentos que se nao os agarro voam....para longe de mim.